A história do pior cupido de todos os tempos

Segundo a WikipediaCupido, também conhecido como Amor, era o deus equivalente em Itália ao deus grego Eros. Filho de Vênus e de Marte, (o deus da guerra) andava sempre com seu arco, pronto para disparar sobre o coração de homens e deuses. Cupido era geralmente representado como um menino alado que carregava um arco e um carcás com setas. Os ferimentos provocados pelas setas que atirava despertavam amor ou paixão em suas vítimas.

Sabendo a história do simpático personagem, você já pode imaginar que muita gente tenta copiá-lo, lutando para unir casais em nossa era moderna. Em tempos de aplicativos como o Tinder, muita gente tenta encontrar a pessoa certa de todas as maneiras. 

Uma fantasia sensual de Flash pode causar desentendimentos

Com o tempo, todo relacionamento precisa de muita criatividade e envolvimento de ambas as partes para não cair na rotina. Dedicar um tempo para descobrir e entender o que faz o outro feliz é um ato de amor e generosidade. Devemos sempre fazer aquilo que gostaríamos que fizessem por nós, mas sem esperar nada em troca. O sentimento verdadeiro proporciona esse prazer em ver o outro feliz e conquistar seu parceiro todos os dias ao longo dos anos.