A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto

A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto

Uma brincadeira de criança muito bem executada pode assustar uma mãe de maneira incrível. É interessante como a imaginação dos pequenos vai longe e, principalmente quando estão descobrindo coisas novas, são capazes de testar todo o tipo de coisa maluca. E quem convive com crianças, sabe que eles testam comendo coisas estranhas, sujando o próprio corpo e a casa, ou fazendo coisas inteligentes como colocar um garfo na tomada. Hoje veremos a história de um garotinho que quase matou sua mãe de susto com uma inocente brincadeira de criança.

Veja também: Reconhecendo uma péssima mãe na praia.

A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto

Imagine o desespero de uma mãe ao ver uma faca de pão “ensanguentada” e rastros de “sangue” por todo o chão da sala onde seu filho deveria estar quietinho vendo desenho animado? Pois bem, essa situação realmente aconteceu e foi registrada por uma mãe que estava se recuperando do susto. É claro que depois de tudo, dá uma vontade de rir, mas imagine só o cagaço?

A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto A brincadeira de criança que quase matou a mãe de susto

Com quem será que essa criança aprendeu a assustar as pessoas assim? Às vezes essas cenas parecem tão meticulosamente planejadas que dá a impressão de que a criança não trabalhou sozinha na hora de assustar a mãe que te ama tanto.

Compartilhe este conteúdo com todas as mães que você conhece e pergunte que reação elas teriam se essa cena acontecesse em sua casa, com sua criança pequena. A não ser que seja uma mãe desnaturada, despreocupada e sem o menor zelo por seu filho, é provável que todas se assustariam totalmente e precisariam de alguns segundos para entender a situação, respirar fundo e se recompor.

E você, o que achou do artigo de hoje? Deixe sua opinião nos comentários e envie seu print ou material curioso para contato@satirinhas.com.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima