Quando a gente julga rápido demais, sempre passa vergonha

Quando a gente julga rápido demais, sempre passa vergonha

O preconceito e o julgamento precipitado acontecem com grande frequência na internet, e a transformam num ambiente hostil. É preciso acalmar o coração, praticar o amor e a empatia, e sempre tentar entender o lado do outro, sem julgamentos injustos. O quadrinho de hoje vem para nos alertar sobre essas atitudes.

Veja também: O preconceito muda tudo e outros quadrinhos para pensar.

Para onde os julgamentos precipitados podem nos levar? Ler apenas os títulos das notícias por preguiça e já querer ser o dono da verdade é apenas um exemplo desse erro. Vamos tentar pensar um pouco mais antes de falar.

O preconceito e o julgamento precipitado acontecem com grande frequência na internet, e a transformam num ambiente hostil. É preciso acalmar o coração, praticar o amor e a empatia, e sempre tentar entender o lado do outro, sem julgamentos injustos. O quadrinho de hoje vem para nos alertar sobre essas atitudes.

Veja também:

[supsystic-gallery id=’571′]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima