Direção
Curiosidades

5 perrengues que todo motorista passa em algum momento da vida

Dirigir nas ruas e avenidas tem seus altos e baixos. Confira uma lista dos perrengues mais comuns que todo motorista passa, já passou ou poderá passar.
Não importa se você dirige por profissão ou não, são muitas as situações vividas por motoristas em todo o mundo. Algumas são de negligência, outras um pouco de falta de sorte, mas ambas acabam marcando a memória.

Quem dirige há um tempo, já passou por situações embaraçosas, engraçadas e bastante complicadas. Porém, cada uma delas trouxe uma lição diferente, não é mesmo?
Enquanto algumas possam fazer com que você perca a razão, outras exigem maior equilíbrio. No geral, a maioria contribui para o estresse, concorda?
Veja uma lista dos perrengues que todo motorista passa, ou ainda vai passar!

Situações comuns vivenciadas por motoristas


O trânsito é muito dinâmico e conta com muitas variáveis. Se você já encarou algumas situações embaraçosas e não soube como agir, veja aqui como lidar melhor com cada uma delas.
Assim, se voltar a acontecer, você estará mais preparado e saberá como se sair bem. Confira!

1 – Passageiro dando opinião

passageiro falante
Fonte: Unplash.

Motoristas jovens com certeza evitam dirigir com o pai ou a mãe como passageiro. Isso porque os pais adoram, em sua maioria, ficar opinando na maneira como os filhos dirigem.
Tolerar essa situação é muito frustrante e parece mais que a pessoa que está ao lado do banco do motorista é quem está guiando o veículo. Quem nunca teve um passageiro assim, pai, mãe ou outros, que não se cansam de opinar, ou mesmo exigir para reduzir a marcha, informar que não vai dar tempo de passar no sinal amarelo, frear, entre outros?
Enquanto existem momentos em que esses alertas se fazem necessários, em sua maioria atrapalha o motorista. Seja deixando-o estressado, irritado, ou tirando sua atenção ao trânsito.
Para driblar essa situação, converse com o passageiro e explique que você é um motorista apto a dirigir. Enfatize que a opinião dele acaba te deixando nervoso e isso pode causar negligência.

2 – Situação de emergência

Carro com problemas
Fonte: Pexels.

Por mais que se faça a manutenção no carro, ele pode apresentar algum problema e te colocar em uma situação de emergência. Além disso, outras situações podem ocorrer, como batidas, acidentes, pneu furado, falta de combustível e pane elétrica.
Nesses casos, o indicado é sempre manter a calma para conseguir resolver a situação. No caso de uma colisão, por exemplo, é fundamental estar tranquilo, fotografar e acionar a polícia para registrar um boletim de ocorrência.
Em ambas as situações citadas acima, contar com o apoio de uma das melhores seguradoras de seguro auto é fundamental. Portanto, basta acionar a empresa responsável e aguardar pelo socorro. Lembre-se de que essas empresas são especialistas em resolver a parte burocrática.

3 – Ultrapassagens perigosas

ultrapassagem perigosa
Fonte: Pexels.

Você é o tipo de motorista que obedece as regras de trânsito, dirige mantendo a distância segura a outro veículo, mas nem todos são assim. É bem provável que você já tenha passado por essa situação, em que outro veículo entra na frente do seu, colando no veículo à frente, sem deixar espaço seguro também para o seu.
Deparar-se no trânsito com motoristas desagradáveis e imprudentes é, infelizmente, bem comum. A melhor maneira é sempre manter a calma e continuar seguindo as regras.
Lembre-se de que, enquanto você conservar a distância adequada, evitará acidentes em casos como esse. Se o outro motorista realizou uma ultrapassagem indevida, saiba que ele será multado (ou pelo menos deveria ser).

4 – Motorista estressado

Motorista estressado
Fonte: Pexels.

É muito comum trafegar pelas ruas e avenidas e se deparar com um “estressadinho” no caminho. A situação ainda piora quando a pessoa insiste em discutir algo que, para você, não tem a menor importância.
O sol quente, o horário para chegar em determinado local, o trânsito caótico, tudo contribui para a situação ficar ainda pior. Nessas horas, vale respirar fundo, focar em outras coisas e deixar a pessoa falando sozinha.
Caso o motorista insista em discutir, dê um tempo para que ele se expresse e entre em um acordo amigável. Lembre-se de que, se ambos estiverem nervosos, a situação sairá do controle.

5 – Manobras sem sinalização

manobras sem sinalização
Fonte: Pexels.

Independentemente de ser você ou outro veículo que realizou uma manobra no trânsito sem sinalizar, essa é uma situação que aumenta as chances de acidentes. Além de ser uma conduta perigosa, é um ato irritante.
Porém, muitos motoristas já realizaram esse tipo de manobra com o carro. Se você é um deles, saiba que é fundamental utilizar os meios de comunicação do veículo, sinalizando que fará uma curva, parada ou outros. Caso não dê tempo de sinalizar, opte por não realizar a manobra. Assim, você não colocará a vida de ninguém em risco.


Então, você já passou por algumas dessas situações? Tem outros perrengues que gostaria de compartilhar? Comente!


Por: Andreia Silveira, editora no SeguroAuto.org.

Autor

Católico Apostólico Romano, Publicitário, funcionário público, ilustrador e blogueiro. Apreciador de quadrinhos, artes e tudo o que pode transformar vidas para melhor. Acredita que fé em Deus, conhecimento, troca de informações e experiências podem ajudar a construir um novo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *