falação
Quadrinhos Católicos

Um grande perigo para quem fala demais e sem pensar

Vivemos em um mundo cercado de estímulos que tentam chamar a nossa atenção, e no meio disso tudo ainda existem pessoas carentes que querem ser vistas a todo o custo. Aqueles que ainda não passaram por uma cura interior e não entenderam que Deus, o todo poderoso, dá toda a atenção para nós durante 24 horas por dia, precisam ficar mendigando atenção e são infectados pela “doença da falação”.

Veja também:

O silêncio e a mansidão

Nosso maior modelo é Jesus Cristo, manso, humilde e silencioso, que se recolhia para rezar. Ele nasceu da Virgem Maria, outra inspiração para toda a humanidade: humilde, serena, obediente, não chamava a atenção, casta, se recolhia. A falação é exatamente o contrário do que foi ensinado por Jesus e os apóstolos. Quem fala demais e sem pensar, geralmente acaba cometendo muitos erros e se arrepende.

É impossível para aquele que fala muito não dizer nada do que se arrependa e sentir-se enfraquecido depois de ter dito tanta coisa. Quando nos silenciamos e, como Maria, guardamos as coisas no coração para meditar, nos fortalecemos espiritualmente com a graça de Deus. É o Espírito Santo que nos orienta quando somos dóceis. É o maligno que nos atira no precipício quando somos arrogantes e faladores.

Autor

Católico Apostólico Romano, Publicitário, funcionário público, ilustrador e blogueiro. Apreciador de quadrinhos, artes e tudo o que pode transformar vidas para melhor. Acredita que fé em Deus, conhecimento, troca de informações e experiências podem ajudar a construir um novo mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *