O círculo vicioso do trabalho

Você já teve a sensação de que seu trabalho domina a maior parte de sua vida e que os momentos de lazer são consumidos por uma agonia? Aquela agonia de domingo à tarde do tipo “meu fim de semana já acabou e amanha eu preciso trabalhar novamente”? Se suas respostas forem “sim”, você não está sozinho(a). Cada vez mais gente se sente consumida pelo trabalho e até em momentos de lazer lembra dos problemas da profissão. Essas pessoas que não conseguem relaxar podem sofrer com vários problemas de saúde.

Aquela pessoa que acha que sempre sofre mais que todo mundo

Existe um tipo de pessoa insuportável que sempre acha que seu sofrimento é maior que o de todo mundo. Aquela pessoa que não deixa ninguém se abrir ou falar de algum problema que já interrompe com alguma frase do tipo “comigo aconteceu ainda pior”, ou “eu sofro muito mais que você”. A comunicação entre as pessoas deve ser uma via de mão dupla onde cada um possa se abrir e falar sobre os medos e anseios. Quando alguém domina uma conversa e apenas fala de si mesmo, acaba quebrando toda a comunicação. 

Uma revelação bombástica sobre os homens e outros quadrinhos

Algumas situações na vida podem ser totalmente inesperadas e difíceis de explicar. Mesmo quando todo o senso comum indica que algo é correto, na verdade tudo pode ser muito diferente. É o que chamamos de paradoxo. Hoje vamos compartilhar alguns quadrinhos curiosos que nos fazem pensar em questões amplamente filosóficas. Será que nada faz sentido? Qual é a nossa função no planeta Terra?

O preço da gasolina está fora do normal

O Brasil é um grande produtor de petróleo e vimos alguns políticos num passado não muito distante fazendo discursos inflamados sobre o pré-sal. Uma descoberta retumbante que faria de nosso país uma nação auto-suficiente com preços justos nas bombas de combustível para o consumidor final. Algum tempo depois, percebemos que o preço dos combustíveis sofre reajuste várias vezes ao ano, como se fosse algo totalmente fora do controle, em um país com escassez de recursos provocada por alguma guerra nuclear! É assustador!

Robôs de inteligência artificial podem dominar a humanidade?

Até que ponto a inteligência artificial pode colocar em risco a integridade dos seres humanos? Hoje em dia todo mundo já sabe que máquinas superaram os humanos em diversas atividades, consumindo menos recursos e não precisam de férias, recompensas, aumentos de salário ou FGTS. A cada dia mais empresas investem muito dinheiro para a pesquisa e desenvolvimento de novas tecnologias autônomas. Mas será que os robôs com inteligência artificial podem se rebelar e ameaçar a existência da humanidade?