Traição na lancha e a mulher ciumenta

Sempre dizemos aqui que a base para um relacionamento saudável e duradouro são o respeito e a confiança. Quando alguém demonstra ciúme possessivo ou qualquer outro sinal de desconfiança, acaba contribuindo para destruir aos poucos a relação com o parceiro.

Por outro lado, existe muita gente que dá motivos e merece toda a desconfiança que recebe. Mas como podemos conhecer profundamente nossos parceiros ao ponto de saber com quem estamos lidando? 

Quando uma mulher engraçada resolve provocar

Homens safados estão sempre batalhando para conseguir nudes de belas garotas por Whatsapp. O nível de safadeza é tão grande que diariamente são compartilhadas milhares de fotos com conteúdo sensual ou sexual. Muitas das vezes, essas fotos acabam parando na internet e a intimidade da pessoa em questão é publicada e invadida. Uma prática nada sensata que inclusive é crime.

O interessante é que algumas mulheres já estão montando suas táticas para se defenderem desses sujeitos que estão cheios de más intenções. 

Quando o assunto é mulher, muita gente se acha especialista

Não importa em que lugar estejam, em uma conversa entre alguns tipos de homem, quando o assunto é mulher, muitos deles se acham os maiores especialistas. O que muitos não entendem é que, quando o assunto é mulher ou qualquer outra coisa, as pessoas que mais sabem e dominam o assunto com mais habilidade, são as que menos falam.

Sobre as mulheres, é muito importante levar em conta todas as variantes, sabendo que elas são totalmente imprevisíveis, inconstantes, instáveis e maravilhosas. É por isso que nenhum homem consegue viver sem elas, mesmo que não admita. 

Algumas coisas não devem ser feitas em um primeiro encontro

Muita gente pensa no primeiro beijo e na primeira vez como momentos importantes que precisam ser perfeitos. Mas toda essa pressão e expectativa acabam colocando peso demais a esses acontecimentos, o que pode colocar tudo a perder. De fato, a maioria das pessoas conta que suas primeiras vezes foram marcantes, mas de maneira negativa e traumática. Possivelmente dois jovens nervosos, tensos e sem saber o que fazer, foram aprendendo na marra.