cara de pântano

A cara de pântano que assusta e a vida de aparências

Em uma das conversas filosóficas que tenho com minha namorada, essa mulher inteligente me veio com a expressão “cara de pântano”. A ideia era tentar falar sobre um rosto com a maquiagem borrada, lembrando um verdadeiro pântano. Depois disso, a cara de pântano apareceu em várias outras conversas, e tive que fazer um quadrinho sobre o assunto. Além do quadrinho, hoje compartilharemos algumas imagens que mostram como algumas pessoas vivem de aparências. 

Mônica assassina

Mônica assassina e outras artes incorretas

Hoje veremos alguns quadrinhos hilários de Paulo Moreira, um criativo artista que trata de assuntos de interesse popular, como a Mônica assassina. Ninguém nunca parou para pensar sobre como os quadrinhos da Turma da Mônica estimulam a violência contra o homem e o bullying contra gordos e quem fala errado? É muita coisa errada em um lugar só, mas aprendi a ler com esses quadrinhos e passei minha infância com eles. A seguir veremos um desenho polêmico e outras histórias engraçadas da vida cotidiana.

Ludwig Van Beethoven

Ludwig Van Beethoven sabia que a arte não tem limites

Ludwig Van Beethoven (1770-1827) foi um compositor alemão. A “9.ª Sinfonia”, famosa como Coral, por incluir coro em seu quarto movimento, foi a obra que o consagrou em todo o mundo. Em 1814, foi reconhecido como o maior compositor do século. Suas composições são imortais e hoje veremos um pouco de suas opiniões através dos lindos e profundos quadrinhos do Zen Pencils. Neste site, diversas grandes personalidades mundiais têm frases e atitudes reproduzidas em lindas artes. Vamos conferir?