inspiração

inspiração

A pessoa que não quer melhorar a cada dia morre lentamente

Nada tira tanto o sentido da vida quanto a falta de vontade de melhorar a cada dia. Quando desistimos de buscar a evolução, começamos a regredir e ficamos presos aos nossos pecados e opiniões preconceituosas e engessadas. Quando dizemos coisas do tipo “esse é meu jeito e não vou mudar”, estamos deixando bem clara a nossa vontade de não evoluir e não permitir a ação de Deus, através do Espírito Santo, em nossas vidas. Você quer ser melhor a cada dia ou quer ficar repetindo que esse é seu jeito mesmo?

Veja também:

Não pare de aprender e evoluir

Quem para de aprender e de querer evoluir, começa a morrer lentamente. Essa é a escolha de quem deixa de viver o que Deus planejou e começa a simplesmente se arrastar pela existência. Você conhece alguém assim ou está vivendo dessa maneira?

É hora de renunciar a todo mal comportamento, preguiça e falta de coragem para mudar. Que o Espírito Santo possa nos inspirar a uma vida nova, cheia de alegria e todo o tipo de boa obra. Deus nos abençoe!

Quando nos afundamos no mal e precisamos desatolar, só existe uma saída

Você não é realmente livre quando não consegue deixar de fazer aquilo que te destrói. Vivemos cercados de estímulos e ideologias que nos afastam de tudo o que é verdadeiramente bom e faz bem. Muito facilmente a humanidade tem caído em armadilhas e realiza escolhas precipitadas, que levam ao pecado e ao sofrimento.

Veja também:

Quando nos afundamos no mal e precisamos desatolar

Muita gente chama o pecado de felicidade, os vícios de alegria, a destruição do próprio corpo de liberdade. Não podemos cair na armadilha e sermos aprisionados em escolhas que nos trazem a infelicidade e a morte. Fazer o que te prejudica e não conseguir parar, isso não pode ser chamado de felicidade.

Assista a seguir um vídeo de meu canal sobre essa realidade, e se considerar útil, inscreva-se no canal e compartilhe o conteúdo.

Quando nos afundamos no mal e precisamos desatolar

Arte, talento e conversão -entrevista para o canal Vida de Homem

Nossa vida deve estar em conformidade com aquilo que falamos, e esse testemunho pode ajudar a inspirar outras pessoas. Falar sobre nossas dificuldades, pecados e erros nos torna mais próximos uns dos outros e contribui na caminhada. Pensando nisso, acredito que seja muito útil o conteúdo que você vai acompanhar no artigo de hoje.

Veja também:

Entrevista para o canal Vida de Homem

Fui entrevistado pelo Diego Souza, do canal Vida de Homem, que traz muito conteúdo útil e edificante para o público masculino, que tanto tem precisado recuperar valores importantes neste tempo.

Em uma conversa agradável e descontraída, falei sobre quadrinhos, o processo de criação, a história do blog Satirinhas, minha conversão, religião, entre outros assuntos. Vale a pena conferir:

Entrevista com o Altair, dono do Satirinhas

Uma grande certeza: quando cobramos excessivamente os outros, é porque alguma coisa estamos deixando de fazer

Uma estratégia que os covardes usam (e eu me incluo nesse meio) para esconder suas limitações e tudo o que não deseja fazer, é mostrar as limitações dos outros e tudo o que eles não fazem. Se cada um de nós procurar fazer o exercício de olhar para si e descobrir o que pode fazer de melhor a cada dia, já estaremos contribuindo para uma humanidade melhor. Eu estou tentando, com a graça de Deus, e você?

Veja também:

O que eu deveria fazer mas não faço

Cobrar os outros é uma maneira muito fácil de desviar a atenção daquilo que não fazemos, e essa é uma ferramenta muito utilizada pelas pessoas atualmente. Precisamos fazer o movimento contrário: olharmos para o nosso interior, tudo aquilo que nos move, tudo o que podemos fazer de melhor (inclusive para ajudar os que estão com alguma dificuldade) e sermos instrumentos de Deus neste mundo.

Quando conviver com uma pessoa raivosa, que aponta o dedo e cobra demais dos outros, tenha paciência e procure entender que é alguém que vive conflitos e sente-se incapaz de algo. Com fé, diálogo e abertura, podemos construir pontes e traçar novos caminhos para relacionamentos que mudem o mundo. Vamos tentar?

Se Deus existe, por que tanta coisa ruim acontece?

Se Deus existe, por que tanta coisa ruim acontece? Diante de realidades como a pandemia, muita gente faz essa pergunta. Deus nos ama e quer que sejamos livres para fazer nossas escolhas. Fazendo as escolhas erradas, é óbvio que teremos consequências ruins, e são os erros da humanidade o motivo do sofrimento.

Veja também:

Não coloque a culpa em Deus!

Pense em uma criança que chuta uma bola, acerta e quebra uma janela. Quando o dono da casa sai furioso e é hora de encarar as consequências, essa criança coloca a culpa em um amigo. Parece desonesto? É essa a desonestidade dos que colocam a culpa do mal no mundo em Deus, quando na verdade, o mal é decorrência do pecado da humanidade.

Pessoas boas sofrem pelas más ações de pessoas ruins, como no caso de um bêbado dirigindo acerta o carro de uma família. A ação do mal no mundo precisa ser vencida com oração e conversão. Se você concorda, compartilhe esse conteúdo e ajude essa mensagem a se espalhar.

Rolar para cima