quadrinhos

quadrinhos

Você conhece pessoas que estão na Igreja por interesse? Rezemos por elas

Existe um tipo de pessoa que está na Igreja por interesse e enxerga nas práticas religiosas uma maneira de satisfazer seu ego e sua vaidade. A boa árvore se reconhece pelos frutos (cf. Mt 12,33) e, mesmo que uma pessoa fale bem, cante bem e possua uma técnica perfeita aos olhos humanos, se faltar amor e verdade naquilo que faz, seus frutos não serão bons.

Veja também:

A luta contra a vaidade

Existe uma grande diferença entre servir por amor a Deus e servir para alimentar o próprio ego em uma batalha de vaidades. Em todos os casos, a verdade sempre aparece.

É fácil perceber quando o servir de alguém não está baseado no amor e no desinteresse ensinado por Jesus e todos os Santos da Igreja. Basta ter que sair da zona de conforto, abrir mão de uma posição ou cargo e muitos acabam mostrando sua verdadeira face.

Na sua paróquia acontece algo parecido? Comente e compartilhe, e não deixemos de rezar pela nossa conversão diária e a de todos que lutam contra a vaidade e o ego inflamado.

Quem vive no mal e no deboche não é uma pessoa livre

Quem vive no mal e no deboche não é uma pessoa livre e tudo fica muito claro nos ensinamentos de Santo Antão e de vários outros Santos da Igreja Católica. Não podemos ser chamados livres se vivemos presos ao prazer, ao deboche e a tudo o que fazemos numa tentativa de agradar os outros, por simples carência. Você é uma pessoa livre?

Quando os dias são iguais e passam rapidamente

Você já teve a sensação de que os dias são todos iguais e estão passando cada vez mais rápido? Atualmente, todos nos estamos cercados de um perigoso excesso de estímulos, que em sua soma, nos roubam um tempo preciosos todos os dias. Quando perdemos o nosso tempo com algo que não edifica, temos a sensação dolorosa de uma vida sem sentido.

Rolar para cima